A Millicom disponibiliza o poder do digital em toda a América Latina com uma nuvem de telecomunicações ágil.

A Millicom está acelerando a transformação digital da América Latina, criando oportunidades excepcionais para pessoas e instituições e trazendo mudanças positivas à sociedade. Por meio de sua marca TIGO, a Millicom oferece serviços móveis e de TV a cabo a 55 milhões de consumidores, além de conectividade e serviços de nuvem a 300.000 empresas.

A Millicom está criando uma nuvem de telecomunicações baseada na malha de rede da Juniper para expandir seus serviços de mobilidade, Internet e pagamentos na região.  

Visão geral


Empresa Millicom
Indústria Prestador de serviços
Produtos usados QFX10002QFX5100
Região Américas
Imagem do estudo de caso da Millicom
Sucesso do cliente em um piscar de olhos

55

Milhões de clientes móveis em nove mercados da América Latina

99,9999%

Disponibilidade para data centers

50%

Aumento de tráfego Internet em 2020

A malha IP permite que os recursos de nuvem de telecomunicações sejam alocados e flexibilizados conforme necessário

Desafio

Entrega flexível de serviços móveis e de Internet nos mercados da América Latina

A Millicom se preparou para construir uma infraestrutura de nuvem de telecomunicações para oferecer suporte à rápida expansão dos serviços 4G e oferecer uma fundação para o 5G, reconhecendo que esse sucesso foi possibilitado por ter uma rede flexível em seus data centers de Nível 3.

“Para construir recursos de escala de nuvem para o 5G, precisávamos transformar a rede subjacente de malha IP”, diz Rita Fuziol, diretora de data center, nuvem e infraestrutura da Millicom.

Com o avanço de seu projeto de nuvem de telecomunicações, a Millicom determinou que ter uma malha IP consistente em seus data centers e em todas as regiões traria uma agilidade ainda maior, além da disponibilidade, desempenho e escalabilidade necessárias para sua nova rede de pacotes e outros aplicativos. Os recursos poderiam ser compartilhados entre suas nove regiões para atender de maneira dinâmica a quaisquer aumentos de demanda dos clientes.

“O projeto da malha IP do data center assumiu uma visão mais ampla quando considerada a interconexão do data center”, diz Fuziol. “Vimos o valor da conectividade entre todos."

Millicom Challenge 2
SOLUÇÃO

Construir os caminhos digitais que conectam pessoas e melhoram vidas

Uma malha entre-todos entre os data centers da Millicom poderia simplificar de maneira significativa a entrega de serviços agora e no futuro. A Millicom primeiro implantou a malha IP em seus data centers do Paraguai, Bolívia e Honduras, com planos para outras regiões.

“Manter o foco na padronização não é tarefa fácil”, diz Fuziol. “Mas a padronização nos permite compartilhar habilidades de um país a outro, solucionar problemas com maior rapidez e traduzir prontamente os requisitos dos negócios.”

A Juniper e a NEC trabalharam em estreita colaboração, trazendo soluções inovadoras e recursos especializados de integração de rede para ajudar a Millicom a padronizar, simplificar e automatizar as operações de data center em vários países, ajustando-se com flexibilidade aos requisitos locais. A automação reduz o tempo ao mercado para novos serviços.

“Trabalhando com a Juniper e a NEC, criamos uma arquitetura de data center à prova do futuro”, afirma Fuziol.

A nuvem de telecomunicações da Millicom usa switches Juniper QFX10000 e QFX5100 na malha IP/EVPN. O controlador SDN da Juniper simplifica a engenharia de tráfego e permite que a equipe de operações mantenha uma gerência rigorosa dos acordos de nível de serviço (SLAs) utilizando automação e otimização.

A Millicom avançou com sua infraestrutura de nuvem de telecomunicações apesar dos muitos obstáculos criados pela pandemia. “Foi um grande desafio implementar essa malha em 2020”, diz Fuziol. “Tivemos limitações na mobilidade física e as importações demoraram muito tempo, o que tornou a padronização ainda mais importante.”

Woman holding cellphone with virtual connection diagram
RESULTADOS

Manter empresas e pessoas conectadas durante a pandemia

Como uma construtora de rodovias digitais, a Millicom passou rapidamente a ampliar serviços móveis e de Internet, conectando milhões de pessoas que repentinamente precisavam ter Internet em casa para o trabalho, estudo e entretenimento.

“Durante a covid-19, a Internet passou a ser o centro de todos os lares”, diz Fuziol. “Muitas pessoas não tinham Internet, e superamos desafios logísticos significativos para conectar pessoas em comunidades rurais para que pudessem trabalhar em casa como se estivessem sentados próximos uns dos outros.”

Com a recuperação dos negócios, a Millicom está bem posicionada para o crescimento. A empresa teve um aumento de 166.000 clientes residenciais no primeiro trimestre de 2021 — seu melhor resultado trimestral de todos os tempos — e ganhou 1,1 milhão de clientes para seus negócios móveis — seu desempenho trimestral mais forte em uma década. Além disso, a Millicom informa um crescimento de sua receita de serviços na América Latina de mais de 5,5% em março de 2021. 

Business team consulting internet on digital devices together
“Nós alinhamos nossa transformação de nuvem com a transformação da rede do data center, tendo a Juniper e a NEC como nossos consultores de confiança.”
Rita Fuziol Diretora de data center, nuvem e infraestrutura da Millicom

Publicado em outubro de 2021