O que é a EVPN-VXLAN?

O que é a EVPN-VXLAN?

EVPN-VXLAN (junção de Ethernet VPN e LAN virtual extensível) fornece às grandes empresas uma estrutura comum usada para gerenciar suas redes de campus e data centers. Uma arquitetura EVPN-VXLAN suporta conectividade de rede de Camada 2/Camada 3 eficiente com escala, simplicidade e agilidade, ao mesmo tempo em que reduz as despesas operacionais.

O crescimento rápido do uso de dispositivos móveis (incluindo o número crescente de dispositivos de Internet das Coisas (IoT)), redes sociais e ferramentas de colaboração, adiciona um número crescente de endpoints a uma rede. Para fornecer flexibilidade de endpoint, a EVPN-VXLAN desassocia a rede underlay (topologia física) da rede overlay (topologia virtual). Ao usar overlays, você ganha a flexibilidade de fornecer conectividade de Camada 2/Camada 3 entre endpoints em todo o campus e data centers, ao mesmo tempo em que mantém uma arquitetura underlay consistente.

Benefícios da EVPN-VXLAN

Implantar uma estrutura EVPN-VXLAN fornece os seguintes benefícios:

  • Programável, o que permite fácil automação
  • A arquitetura baseada em padrões abertos garante uma interoperabilidade para trás e para frente
  • Conectividade de Camada 2/Camada 3 integrada e eficiente com aprendizado baseado em plano de controle
  • Escalabilidade fácil de rede com base nas necessidades de negócios
  • Segmentação de rede dentro e em vários campi e data centers que permitem que você separe o tráfego de maneira segura
  • Domínio de falha minimizado aumenta a confiabilidade da rede
  • A mobilidade de endereço MAC fornece recursos de implantação flexíveis e simples

Entendendo a EVPN

Em redes de Camada 2 tradicionais, as informações de alcance são distribuídas no plano de dados por flooding. Com as redes EVPN-VXLAN, essa atividade muda para o plano de controle.

EVPN é uma extensão para BGP que permite que a rede carregue informações de acessibilidade de endpoint, como endereços MAC de Camada 2 e endereços IP de Camada 3. Essa tecnologia de plano de controle usa MP-BGP para distribuição de endpoint de endereços MAC e IP, onde os endereços MAC são tratados como rotas. A EVPN permite que os dispositivos atuem como VTEPs (veja a próxima seção) para trocar informações de alcance entre si sobre seus endpoints.

A EVPN também fornece o encaminhamento e a redundância multicaminho através de um modelo multihoming ativo. Um endpoint ou dispositivo pode se conectar a dois ou mais dispositivos upstream e encaminhar o tráfego usando todos os links. Se um link ou dispositivo falhar, o tráfego continua a fluir usando os links ativos remanescentes.

Como o aprendizado MAC agora é tratado no plano de controle, a EVPN pode dar suporte a tecnologias de encapsulamento de plano de dados entre switches habilitados para EVPN-VXLAN. Com as arquiteturas EVPN-VXLAN, a VXLAN fornece o encapsulamento do plano de dados overlay.

Os overlays de rede são criados ao encapsular o tráfego e criar um caminho (tunelamento) para uma rede física. O protocolo de tunelamento VXLAN encapsula os quadros Ethernet de Camada 2 em pacotes UDP de Camada 3, permitindo redes virtuais ou sub-redes de Camada 2 que podem abranger a rede física de Camada 3 subjacente. A entidade que executa o encapsulamento e o desencapsulamento VXLAN é chamada de endpoint de túnel VXLAN (VTEP).

Em uma rede overlay VXLAN, cada sub-rede ou segmento de Camada 2 é identificada por um identificador de rede virtual (VNI). Um VNI segmenta o tráfego da mesma maneira que um VLAN ID segmenta o tráfego — endpoints dentro da mesma rede virtual podem se comunicar diretamente entre si, enquanto os endpoints em diferentes redes virtuais exigem um dispositivo que suporta o roteamento inter-VNI (inter-VXLAN).

EVPN-VXLAN na empresa

Com uma arquitetura de campus baseada em EVPN-VXLAN, as empresas podem adicionar facilmente mais dispositivos de núcleo, distribuição e acesso a um negócio em crescimento sem precisar reestruturar um novo conjunto de dispositivos para atualizar a arquitetura.

Figura 1: Arquitetura de campus baseada em EVPN-VXLAN

Além disso, as empresas podem implantar um conjunto comum de políticas e serviços em todos os campi com suporte para VPNs de Camada 2 e Camada 3. Ao usar uma camada inferior baseada em IP de Camada 3 com um overlay EVPN-VXLAN, os operadores de rede de campus podem implantar redes muito maiores do que estão disponíveis com as arquiteturas tradicionais baseadas em Ethernet de Camada 2

EVPN-VXLAN no data center

Os data centers modernos rodados em escala normalmente usam uma arquitetura de malha de IP com overlay EVPN-VXLAN.

Figura 2: Arquitetura de malha de data center

A malha de IP permite colapsar as camadas de rede tradicionais em uma arquitetura spine-and-leaf de dois níveis otimizada para ambientes de grande escala. Essa rede de Camada 3 altamente interconectada funciona como um underlay para fornecer alta resiliência e baixa latência em sua rede e pode ser facilmente escalada horizontalmente conforme necessário.

O overlay EVPN-VXLAN está no topo da malha de IP, o que permite estender e interconectar seus domínios de data center de Camada 2 e colocar endpoints (como servidores ou máquinas virtuais) em qualquer lugar da rede, incluindo data centers.

EVPN-VXLAN e Juniper Networks

As soluções da Juniper para Evolved Campus e data centers seguros e automatizados, com base em um overlay VXLAN com plano de controle EVPN, são uma maneira eficiente e escalável de construir e interconectar vários campi e data centers. Com uma implementação BGP/EVPN robusta em todas as plataformas — switches da Série QFX switches, da Série EX eroteadores da Série MX — a Juniper está posicionada de forma única para aproveitar todo o potencial da tecnologia EVPN, fornecendo conectividade de Camada 2 ou Camada 3 otimizada, contínua e compatível com os padrões, tanto dentro como entre os campi e data centers em evolução nos dias de hoje.

Recursos

Simplificado: Por que EVPN/VXLAN?

A EVPN-VXLAN começou como um conjunto de soluções específicas de fornecedores e evoluiu para um padrão para resolver vários desafios de negócios empresariais.